O Objetivo deste Blog é divulgar artigos e documentos interessantes para a história de Lages e para a história e genealogia das famílias dos seus primitivos povoadores.

[As publicações deste Blog podem ser utilizadas pelo(a) interessado(a), desde que citada a fonte: KOTCHERGENKO, Tânia Arruda. Nome da postagem in blog Lages Hístórica, Disponível em http://lageshistorica.blogspot.com.br]

14 de janeiro de 2009

RELAÇÃO DE INVENTÁRIOS 1776 - 1830


Livro de Registro de Inventários e Órfãos N.1
Forum Nereu Ramos, Lages/SC.

Compilado por Tânia Arruda Kotchergenko.
Atualizado em 12/01/2009.

Ano
Inventariado

1776
Eusébio Furquim Pedroso

1777
Francisca Correia
Pedro Gonçalves Furtado

1782
Simão Barbosa Franco

1783
José Francisco de Moraes Navarro

1786
Antonio de Souza Pereira
Antonio Correia Pinto
José Corrêa de Moraes Navarro

1787
Felix Gonçalves Preto

1788
Ignácio José da Silva
Bento do Amaral Gurgel
Antônio Corrêa Pinto

1793
Salvador Rodrigues Penteado
Joaquim José Martins

1794
Antonio do Amaral

1796
Maria Ignacia de Barros
João Esteves

1801
Maria Perpétua

1803
Matheus José de Souza
Antonio Francisco do Rego

1808
Januário Garcia Leal

1809
Maria Pereira

1810
Clara Maria de Athayde

1811
Manoel Joaquim do Rego
Joaquim José Pereira

1812
Bento do Amaral Gurgel

1815
Generosa Rachel de Jesus Fontoura

1816
Vicente Rodrigues de Athayde
José Luiz da Rocha

1817
José Luiz da Rocha

1818
Matheus José de Souza - (nulo)
José Joaquim Lemes do Prado

1822
Matheus José de Souza

1820
Ignácio de Almeida Leite

1823
João Antonio Borges

1824
José Manoel da Silva
Manoel de Lima

1825
Antonio da Costa Varella

1826
Benedito Antonio Alves
Joaquim José Pereira

1827
Magdalena Maria

1829
Maria Jachinta
Francisco de Ramos
Francisco Simões da Silva

1830
Antonio Pontes Correa
Lino Subtil de Oliveira
Pedro José Ribeiro

9 comentários:

  1. oi!

    há algum dado disponível no seu sitio sobre o
    Januário Garcia Leal? Há vários sitios na net que indicam sua pesquisa, mas não mostram a fonte...
    obrigado desde já,
    artur vaz

    ResponderExcluir
  2. Prezado Artur,

    Em alguns dias estaremos postando nossa pesquisa sobre Januário Garcia Leal. Ainda não o fizemos porque tal pesquisa integrará um conjunto de 4 artigos subsequentes sobre o "comércio" nos primórdios da Vila de Nossa Senhora dos Prazeres de Lages e seus "comerciantes" dentre eles o Capitão Januário do qual estaremos postando no blog inclusive partes ainda inéditas de nossas pesquisas que foram realizadas diretamente do Inventário do Capitão localizado no Museu Histórico do Tribunal de Justiça de Santa Catarina em 2006. Obrigada pela sua visita e nos esforçaremos para atender sua solicitação dentro da maior brevidade possível.

    ResponderExcluir
  3. Saudações!
    A compilação dos inventarios, como posso conseguir?

    P.S.:
    1822
    Matheus José de Souza
    1810
    Clara Maria de Athayde

    ResponderExcluir
  4. Prezado "Gilis"

    Até o presente não logramos localizar os inventários de Matheus José de Souza e de Clara Maria de Athayde como também alguns outros inventários constantes dos registros do Fórum de Lages. Não poderíamos portanto afirmar o destino destes autos e nem que ainda estejam preservados. Mas prosseguimos na busca dos mesmos.

    ResponderExcluir
  5. Olá Tânia. Meu nome é Fernando Lemos, de Três Corações, Minas Gerais. Estou finalizando um livro sobre a saga do Sete Orelhas com novas informações que pouca gente tem, e como resido próximo ao local onde ocorreu o crime que deu início à saga de Januário Garcia (São Bento Abade é uma pequena cidade vizinha de Três Corações), tive a oportunidade de ir até a árvore onde ocorreu o despelamento, a famosa figueira do crime do Tira-Couro, que é o atual nome da fazenda onde ocorreu a tragédia. Incrivelmente, a árvore continua lá, embora já combalida, após mais de duzentos anos.
    Mas estou dizendo tudo isso porque achei muito bom você ter encontrado documentos sobre Januário Garcia Leal, e estou entrando em contato contigo para saber como conseguir uma cópia da documentação que você encontrou sobre ele.
    É possível?
    Obrigado,
    Fernando.

    ResponderExcluir
  6. Oi Sou Maurício Veiga Garcia, neto de Guilherma Garcia Leal esta filha de, Melânias Garcia Leal este por sua vez filho do Cel.Manoel Garcia Leal que era filho do Alferes Januario Garcia Leal Sobrinho, filho do Alferes João Garcia Leal nascido em 1759 em Santa Cruz de Goias-GO.. este por sua vez morto em uma tocaia por 7 Silvas em Minas Gerais... o que acarretou a vingança de seu irmão o Alferes Januario Garcia Leal (7 Orelhas).
    O Patriarca da familia, Pedro Garcia Leal juntamente com seus filhos e esposa viviam na fazenda Campo Formoso no Sul de Minas, onde fazia divisa com a fazenda dos Silvas, e entre eles os Garcia Leal e os Silva havia uma demanda de terra, e a ação judicial foi favoravel aos Garcia Leal.. quem ficava na fazenda era O Alferes Januario Garcia Leal(7 Orelhas) e o Alferes João Garcia Leal, os dois então resolverão por a cerca no lugar determinado pela justiça, os irmãos silvas não aceitarão...
    Alferes João Garcia Leal (morto pelos 7 silvas).Era casado com Maria Joaquina do Espirito Santos e com ela teve os seguintes filhos..
    Eufrasia Garcia Leal,Cap.José Garcia Leal,Joaquim Garcia Leal,João Pedro Garcia Leal(Avo de Jacinta Garcia Leal musa do livro Inocencia) e o Alferes Januario Garcia Leal Sobrinho..

    queria saber se a registros mesmo do Alferes Januario Garcia Leal em santa catarina?

    ResponderExcluir
  7. Gostaria de saber a localização da fazenda, mas não sei a data e o ano certo da biografia da época da guerra, do Coronel João Amaral Varela.
    só sei que é de Lages

    ResponderExcluir
  8. Prezado Marcos,

    Caso o Coronel João do Amaral Varela citado por você tenha sido o esposo de Anna Varela de Saldanha e filho do Tenente Antonio da Costa Varela, posso informar que até o seu casamento em 18/02/1879 João do Amaral Varela era criador de gado e estabelecido no Quarteirao dos Pinheiros Ralos, Campo Belo do Sul.
    Para que possa auxilia-lo com as demais dúvidas precisaria maiores detalhes, p.ex: a qual guerra você estaria se referindo e confirmar se estamos tratando da mesma pessoa ou homônimos.

    ResponderExcluir
  9. Prezada Tânia Kotchergenko, atualmente pesquiso em minha tese de doutorado em História pela UFMG bandos armados que atuaram nas Minas nos setecentos. Gostaria de obter o inventário completo (ou outra fonte que, porventura, a senhora tiver sobre os "sete orelhas") de Januário Garcia Leal. Como moro em B.H, seria possível a senhora enviar estes documentos por email? Desde já, me disponho a agradecê-la na tese e indicar a fonte de onde está depositado os documentos. Muito obrigado.
    Rodrigo Leonardo de Sousa Oliveira - orientado Adriana Romeiro.
    email: rodufop@yahoo.com.br
    ..

    ResponderExcluir